Área Restrita

Área Restrita para acesso dos nossos clientes.


Acesso ao Webmail

área restrita   |   webmail

Busão inteligente: Curitiba testa tecnologia para ônibus autônomos

Cotações e Índices

Moedas - 21/02/2020 16:08:41
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 4,392
  • 4,393
  • Paralelo
  • 4,330
  • 4,600
  • Turismo
  • 4,220
  • 4,570
  • Euro
  • 4,741
  • 4,744
  • Iene
  • 0,039
  • 0,039
  • Franco
  • 4,469
  • 4,472
  • Libra
  • 5,669
  • 5,673
  • Ouro
  • 228,110
  •  
Mensal - 03/12/2019
  • Índices
  • Set
  • Out
  • Inpc/Ibge
  • -0,05
  • 0,04
  • Ipc/Fipe
  • -
  • 0,16
  • Ipc/Fgv
  • -
  • -0,09
  • Igp-m/Fgv
  • -0,01
  • 0,68
  • Igp-di/Fgv
  • 0,50
  • 0,55
  • Selic
  • 0,46
  • 0,48
  • Poupança
  • 0,50
  • 0,50
  • TJLP
  • 0,59
  • 0,59
  • TR
  • -
  • -

Obrigações Tributárias do Dia

  • 23/Fevereiro/2020
  • ICMS/SCANC | Refinaria de Petróleo e suas bases, nas operações com combustível derivado de petróleo, nos casos de repasse (imposto retido por outros combustíveis).
O que você achou do nosso novo site?
Ótimo
Bom
Regular

Os veículos autônomos aos poucos estão se tornando realidade por aí e a novidade também está chegando ao Brasil. Curitiba é uma das capitais que já possuem estudos para implantação e vem servindo como praça de testes do sistema VIA Mobile 360 ADAS, desenvolvido pela VIA Technologies e que tem sido testado com sucesso na China.

Sistema usa sensor com análise de vídeo e tomada de decisões instantâneas em tempo real

Fabricado pela chinesa Enchi Auto, o elétrico Enchi Self Driving EV Bus possui um sistema  com quatro câmeras capaz de captar imagens de 360 graus ao redor do veículo. O Advanced Driver Assistance Systems (ADAS), sensor localizado na dianteira do busão, possui análise de vídeo, que identifica e interpreta todas as variáveis envolvidas na condução — a exemplo de distanciamento das faixas de rolagem, limite de velocidade da via, cor dos semáforos e a sinalização.

Os dados são combinados a outros recebidos de outras fontes, como a geolocalização via GPS, e encaminhados à central do veículo — uma plataforma Big Data que define reações adequadas e instantâneas em cada situação.

Algoritmos avançados
Tudo é baseado em algoritmos avançados, inclusive para manter o veículo a uma distância segura dos demais, trafegar a uma velocidade pré-estabelecida ou adotar um modo segurança quando há pedestres próximos. Se há um afastamento das faixas, o sistema corrige a rota imediatamente. Caso surja um obstáculo, o veículo para sozinho e retoma o movimento assim que possível.

Dados como localização, trajeto, paradas programadas, velocidade e status dos principais componentes aparecem, em tempo real, em uma tela localizada no interior do ônibus, para que os passageiros possam saber tudo o que está acontecendo. O sistema também identifica o número de usuários e quando alguém quer descer ou entrar, para que busão realize as ações adequadas.

Ainda não há previsão de uso desse ônibus autônomo ou da implantação de uma frota. A expectativa é que o setor ganhe força com a chegada do 5G e que até 2022 hajam perto de 190 mil veículos autônomos em todo o mundo.

Fonte: Tecmundo | 21/05/2019

Site desenvolvido pela TBrWeb (XHTML / CSS)
Escritório Contábil Atual  |  Rua Doutor Campos, 241, Centro - Cerquilho SP  |  Fone 15. 3284 1766  |  Fax 3284 3323